Meus 6 passeios preferidos na Cidade do Cabo – ou Cape Town – na África do Sul

6

Uma das capitais da África do Sul {sim, lá há 3 capitais, uma administrativa, uma legislativa e outra judiciária, mas isso é papo para outro post}, a Cidade do Cabo, ou Cape Town, é a principal cidade turística do país. Possui lindas praias, ótimos restaurantes, renomadas vinícolas, um clima muito bom e ainda abriga uma das novas sete maravilhas da natureza – a Table Mountain, ou Montanha da Mesa.

Quem vai à África do Sul dificilmente ignora uma visita a Cape Town, e o ideal é ficar lá pelo menos uns cinco dias para ter tempo de fazer os passeios turísticos principais. Eu estava com o tempo beeeem corrido, então consegui ficar apenas três noites – e já estou programando voltar para fazer tudo o que me faltou.

Mas esse tempinho curto foi suficiente para turistar bastante. Listo aqui 6 dicas do que mais gostei de fazer em Cape Town com base em minha experiência na cidade. E ao final conto o que está na minha listinha de quando eu voltar a essa cidade maravilhosa.

  1. Fazer rapel na Table Mountain. Não basta fazer a trilha ou subir de cable car. Você precisa de mais! Precisa fazer rapel a mais de 1000 metros de altitude numa das novas 7 maravilhas da natureza. Eu fiz com a Abseil Africa e indico 100%! A adrenalina sobe à cabeça quando você se pendura naquela corda, olha para trás e se depara com um mar azul incrível. Sério, todo mundo precisa fazer esse passeio.  table mountain
    Olha isso, que insanoooo!!!
    Olha isso, que insanoooo!!!
  2. Fazer um tour de bike pela cidade. Eu escolhi a empresa And Bikes e fiz o tour Arts & Beer, que passou pelos principais lugares do centro, contando um pouco a história de alguns monumentos, e ao final terminou com uma degustação de cervejas artesanais top.  Pedalamos no total uns 12km, mas foi super agradável, com diversas paradas para fotos e histórias. Um jeito delicioso de conhecer Cape Town. cidade-do-cabo-africa-do-sul-12 cidade-do-cabo-africa-do-sul-16 cidade-do-cabo-africa-do-sul-22bike-tour-capetown.
  3. Visitar o bairro Bo Kaap, já eleito um dos mais coloridos do mundo. É uma região de periferia com bastante influência muçulmana que hoje traz alegria por suas cores, mas carrega uma história triste. Por volta de 1700 foi uma área exclusiva para moradia de escravos. Mais tarde, islâmicos e muçulmanos chegaram ali. Na época do apartheid, Bo Kaap era considerado uma township (tipo o que chamamos de favela no Brasil, mas lá a segregação se dá por raça e cor, não por condição financeira). Hoje o bairro é Patrimônio Nacional. cidade-do-cabo-africa-do-sul-19
  4. Aproveite que está por Bo Kaap, e almoce no restaurante Biesmiellah, lugar simples, mas onde você encontrará a verdadeira comida tradicional africana. Recomendo experimentar bobotie como prato principal e koeksister de sobremesa. Ali não são vendidas bebidas alcoólicas.   cidade-do-cabo-africa-do-sul-23 cidade-do-cabo-africa-do-sul-24 cidade-do-cabo-africa-do-sul-25
  5. À noite vá à Long Street, a rua famosa pelos barzinhos de Cape Town. Há várias opções por ali, e sempre tem um movimento legal. Ou vá à Kloof Street, bem pertinho dali e que um amigo de lá me indicou como sendo a nova “Long Street“. Lá eu indico tomar um drink no bar do hostel Once in Cape Town.
  6. Faça um passeio pela Cape Peninsula. Nesse caso eu indico fazer o que a empresa Baz Bus oferece, que é um day tour que inclui uma paradinha em Boulders Beach {uma praia cheiaaaaa de pinguins, a coisa mais linda do mundo!}, almoço, passeio de bike por uma estrada linda e ao final uma visita ao Cabo da Boa Esperança. Vale a pena demais, pelo preço, pela qualidade, pelo clima do tour. Dura um dia inteiro. Veja aqui tudo que esse tour inclui.

DCIM104GOPROG0328666.

DCIM104GOPROG0348699.

DCIM104GOPROG0378724.

DCIM104GOPROG0488883.

Outros passeios que não tive tempo de fazer e que indico a incluir em seu roteiro {pois está no meu para quando eu voltar a Cape Town, hehehe}: visita à Robben Island, trilha com pôr do sol na Lion´s Head, passeio a vinícolas.

Em Cape Town eu me hospedei no Ashanti Lodge Gardens, hostel lindo e bem localizado. Possui piscina, barzinho, o atendimento é muito bom, o café da manhã é excelente {e pago à parte}. Fiquei num dormitório para seis meninas. Fiz minha reserva pelo Hostelworld, que patrocinou todas as minhas acomodações durante essa viagem pela África.

Conheça e reserve os melhores hostels do mundo clicando aqui!

Veja nesse vídeo abaixo um pouquinho de como foram esses dias de viagem por Cape Town:

Ohhh Cape Town!! You stole my heart! I was short in time, But tried To do my best. Check how were my 3 days in the city: 🏨Stayed at Ashanti Logde Gardens, an amaaaazing hostel! Booked my dorm at @hostelworld ⛰Abseil at one of the 7 new wonders Of Nature: Table Mountain! Amazing activity with @abseilafrica_za 🏍Arts And Beer bike tour with @andbikescpt 🍲Lunch at Biesmiellah restaurant for delicious local food- try the bobotie And koeksister 🆒Cape Península Day Tour with @bazbus_sa – we cycled, we saw penguins, we visited The Cape Of Good Hope 🌅Sunset at Cape Point 🍷Drinks at Yours Trusly . And I still have a lot To see here! . A Cidade do Cabo roubou meu coração! Como eu queria ter ficado mais, viu! Quase adiei minha passagem pra ficar mais… Mas nesses 3 dias eu consegui correr e dar um jeito de fazer {quaaaaase} tudo o que eu queria. 🏨Me hospedei no Ashanti Lodge Gardens e adorei! Fiz minha reserva pelo @hostelworld ⛰Fiz rapel numa das Novas 7 maravilhas da Natureza: a Table Mountain! Quem leva é a @abseilafrica_za 🍲Almocei no tradicional Biesmiellah, e comi bobotie e koeksister, comidas típicas daqui 🚲Fiz um tour delicia de Artes & Cervejas com a @andbikescpt , que me levou a todos os principais pontos de Cape Town 🆒Fiz um tour de um dia pra Cape Península com a @bazbus_sa . Andamos de bike, vimos pinguins, visitamos o Cabo da Boa Esperança 🌅Vi o por do sol em Sea Point 🍷Tomei uns drinks no badalado Yours Trusly …depois foi hora de seguir viagem com a BazBus percorrendo a Garden Route, parte da costa da África do Sul 💙 . #Fuigosteicontei#FuigosteiconteinaAfrica #CapeTown #bazBus #southafrica

Um vídeo publicado por Travel Tips By ️@CarlaBoechat (@fuigosteicontei) em

Também escrevi um post com todo o planejamento dessa viagem de 28 dias pela África, incluindo meus gastos com acomodação, transporte e passeios. Clique aqui para ler.

Leia mais aqui sobre essa trip pela África:

28 dias na África: roteiro completo África do Sul, Suazilândia, Botsuana, Namíbia, Zimbábue

Primeiro dia na África – perdi minha mochila com tudo dentro

Um fim de semana na Suazilândia – o menor país do Hemisfério Sul

Wilderness – o vilarejo da África do Sul onde eu poderia viver para sempre

 

Carla Boechat é jornalista, mestranda, curiosa que só, carioca da clara, inquieta e turista por vocação - e criação. Sempre com a mochila e um sorriso prontos, aposta que toda estrada pode esconder uma dica em potencial. E aqui é assim: se ela foi e gostou, virou post!

Discussion6 Comentários

  1. Olá Carla!
    Como é essa parte da bike do passeio do Cape Peninsula? A pessoa tem que dizer antes que vai querer ou pode decidir lá na hora?
    No site fala “downhill” (fiquei com medo pq não sou nada atleta), mas vi nas suas fotos que parece ser de boa. Dá pra uma pessoa “normal” fazer? (leia-se que sabe só o básico no quesito andar de bike! )
    Desde já, obrigada.
    Seu site está sendo super útil para organizar minha viagem, muito obrigada! 😉

    • Oi, Roberta! Recomendo voce agendar antes, para garantir seu lugar!
      O passeio de bike já era parte do tour que contratei. Foi suuuper de boa, não precisa ser atleta não! Também sou uma pessoa “normal” heheh e fiz bem tranquilamente. E quem não quiser, pode seguir essa parte com a van.
      Que bom que o blog está te ajudando! Qualquer outra pergunta, estou aqui!
      Beijos

  2. Karen Santos Rodrigues

    Simplismente adorei o seu blog, pesquisando sobre a África do Sul, vim parar aqui e amei todas as dicas. Estou indo em janeiro/2018 para ficar 20 dias!!! o/

  3. Oi Carla!
    Adorei a ideia de fazer o rapel!
    Vc acha que preciso reservar com antecedência? Eu fico com medo de reservar e no dia não ter esse sol lindo!
    Vou em dezembro e suas dicas estão ajudando mto!

    • Eeii, Thais! Esse rapel é demais!
      Acho melhor reservar sim, bem como comprar sua subida para a Table Mountain com antecedência. Vai acompanhando a previsão do tempo pela internet, e faz a reserva uns 2 dias antes pra garantir 😉

Leave A Reply