O que fazer em Zagreb – 4 bate-voltas imperdíveis a partir da capital da Croácia

3

A grande vantagem de Zagreb é estar muito bem localizada para fazer diversos bate-voltas, não apenas dentro da Croácia, mas também para países vizinhos – como Eslovênia e Áustria. E como a capital croata é uma cidade com preços mais baixos que muitos dos países dali próximos, pode ser uma excelente opção para servir como base e rodar por aí.

Selecionei alguns bate-voltas que eu testei e recomendo a partir de Zagreb. Tomem nota:

Plitvice Lakes, Croácia

O primeiro e mais procurado bate-volta a partir de Zagreb é, sem dúvidas, para conhecer os lagos do maravilhoso Parque Nacional Plitvice. Estive lá duas vezes, no Outono e no Inverno. Mas é no Verão a altíssima temporada, onde suas águas tomam a cor de um azul inexplicável e os visitantes têm que se conter para não querer mergulhar naquele lago transparente (sim, é proibido nadar lá).

plitvice croacia-16

DCIM100GOPROGOPR3616.

plitvice croacia-18

Na primeira vez eu que estive lá, fui de carro e levei cerca de 2 horas no trajeto. Na segunda, de ônibus, que é uma opção interessante também pois o busão te deixa e te pega na porta do parque e leva pouco mais de duas horas de viagem. Três dicas para quem vai de ônibus:

– Confira os horários da volta para Zagreb e se programe, assim você não precisa ficar esperando muito no ponto do ônibus, que é na beira da estrada.

– Comprar as passagens de ida e volta juntas sai mais barato. Mas atenção: se comprar as duas juntas, você tem que ir e voltar com a mesma empresa! E são umas 3 companhias diferentes que fazem esse trajeto. Então, antes de se jogar no combo mais barato, confira os horários da mesma empresa nos dois sentidos (indo para Plitvice e voltando para Zagreb) e veja se eles encaixam para você. Caso contrário, compre as passagens separadamente

– Tenha dinheiro em espécie para comprar sua passagem de volta, pois você precisará comprar direto com o motorista.

Distância entre Zagreb e Plitvice: 140 km

Liubliana, Eslovênia

Que cidade charmosa!!! Estive em Liubliana quatro vezes, já que a cidade ficava a apenas 1h30 de carro da minha casa, ou cerca de duas horas de ônibus ou trem. A capital da Eslovênia é uma cidade jovem, cheia de vida, com cafés charmosos pelas ruas. Não deixe de ir ao Liubliana Castle, um castelo com vista incrível da cidade e onde é possível chegar de carro, por trilha ou de funicular. Eu me apaixonei por esse país e recomendo muitíssimo uma ida até lá.

liubliana eslovenia-19

liubliana eslovenia-18

liubliana eslovenia-21

liubliana eslovenia-23

Ir de trem sai um pouco mais barato que ir de ônibus, e a viagem dura o mesmo tempo. Ambas as estações ficam próximas uma da outra, tanto em Zagreb como em Liubliana. Em Liubliana dá para ir andando a partir de qualquer das estações até o centrinho onde tudo acontece.

Aliás, há muito o que ver na Eslovênia! Leia mais sobre outros destinos imperdíveis nesse país:

Roteiro na Eslovênia: Maribor x Bled x Bovec x Postojna x Liubliana

Dicas do que fazer em Maribor, a segunda maior cidade da Eslovênia

Bled, a cidade mais romântica da Eslovênia – e entre as mais da Europa

Bovec, a cidade dos esportes na Eslovênia e point desse rio cor de esmeralda

Postojna, na Eslovênia: onde as cavernas são a grande atração

Distância entre Zagreb e Liubliana: 140 km

Graz, Áustria

Um pouquinho depois de Liubliana, Graz é mais uma boa opção para ida e volta a partir de Zagreb. Até é possível ir de transporte público para lá também, mas o ideal seria ir de carro, pois assim cada perna leva cerca de 2h20 de viagem. De ônibus esse tempo sobe para um pouco menos que 3 horas, e além disso a estação de Graz é um pouco afastada do centro. Como se pode ver, não é um bate-volta impossível em transporte público, tudo depende da sua disponibilidade e vontade.

graz-austria1

graz-austria4

E pode parecer cansativo, mas Graz é um pedacinho da Áustria que encanta por sua arquitetura e que, na minha opinião, vale o deslocamento. É uma cidade bem pequena, e em algumas poucas horas é possível conhecer todo o seu centrinho fofo. Dá tranquilamente para chegar lá por volta de 10h da manhã e retornar no fim da tarde. Não deixe de ir à The Clock Tower, na escadaria do Uhrturm e nem de experimentar um kasekrainer (linguiça tradicional recheada com queijo) acompanhada de uma cerveja local num dos food trucks da Hauptplatz, a praça principal da cidade.

comida-tipica-austria graz-austria2 graz-austria3

Distância entre Zagreb e Graz: 180 km

Rijeka, Croácia

Eu visitei Rijeka nos 48 do segundo tempo durante minha temporada na Croácia. E ainda bem que não deixei de ir até lá! É uma cidade moderna, linda, cheia de história. É a terceira maior cidade da Croácia e o principal porto do país. Além disso, é lá o maior e mais animado carnaval da Croácia (e entre os mais da Europa). Quando for até lá, não deixe de visitar o Trsat Castle e nem de experimentar o burek (um salgado tradicional na Croácia, difícil de explicar, mas com uma massa folheada por fora e normalmente recheado com carne ou queijo) da lanchonete Braca, tradicional desde 1981.

rijeka-croacia1

rijeka-croacia2

rijeka-croacia3

De carro são quase duas horas de viagem e de ônibus cerca de duas horas e meia até Rijeka. Quando fui, consegui visitar ainda num mesmo dia as cidades vizinhas de Opatija e Volosko. Ambas ficam a cerca de 20 minutos de ônibus do centro de Rijeka, mas estavam bem mortinhas no Inverno. Vale fazer a pé o trajeto chamado Lungomare entre Opatija e Volosko, que vai beirando o mar, tem cerca de 4km e é uma delícia de percorrer. Opatija me pareceu um balneário incrível para o verão. E Volosko, apesar de bem pequenininha, é uma vila de pescadores com ótimos restaurantes. Se você estiver por lá em estações mais quentes, aconselho ficar por essa região ao menos uns três dias. Já Rijeka estava cheia de vida e super enfeitada para o Natal. Portanto, é um destino para qualquer época do ano.

opatja-croacia2
Opatija
Lungomare, em área próxima a Volosko
Lungomare, em área próxima a Volosko

Distância entre Zagreb e Rijeka: 160 km

 

DICAS EXTRAS:

– Confira nesse site os horários e destinos feitos a partir da rodoviária de Zagreb (há como optar pela versão em inglês)

– Confira nesse site os horários e destinos feitos a partir da estação de trem de Zagreb  (há como optar pela versão em inglês)

– Em croata, estação de ônibus chama-se Autobusni Kolodvor e de trem Glavni Kolodvor

– Comprar passagem de ida + volta juntas costuma sair mais barato. Mas…

– Os guichês da rodoviária de Zagreb somente vendem passagens de ida. Até dá para se informar sobre os horários da volta lá, mas você terá que compra-la quando chegar ao seu destino (ou online). O máximo que eles fazem é vender o combo ida + volta, só que o bilhete da volta é tipo um “vale-ticket”, que você precisa validar quando chega no seu destino (agendando data e horário em que viajará)

– Já os guichês das estações de trem da cidade até vendem as passagens de volta, mas os vendedores sempre aconselham que compremos direto na estação da cidade de destino pois sai mais barato

– Para circular apenas dentro do país, o valor do aluguel de carro vale bastante a pena (vi diárias por cerca de 18 euros em carros econômicos). Mas, se você for atravessar para outro país, o preço da diária poderá mais que dobrar. Converse com a locadora antes e compare os preços. Eu aluguei em Zagreb com a Sixt e foi tudo Ok, não tive problema algum

Você também poderá gostar dessas outras matérias sobre Zagreb:

O que fazer em Zagreb: meus 3 cantinhos preferidos no entorno da capital da Croácia

Onde ficar em Zagreb, Croácia – Swanky Mint Hostel

Onde ficar em Zagreb, Croácia – Hostel Bureau

Restaurante Rodízio do Brasil – Sim! Tem comida brasileira de verdade em Zagreb

Mas vem cá.. Por que um intercâmbio na Croácia

Carla Boechat é jornalista, mestranda, curiosa que só, carioca da clara, inquieta e turista por vocação - e criação. Sempre com a mochila e um sorriso prontos, aposta que toda estrada pode esconder uma dica em potencial. E aqui é assim: se ela foi e gostou, virou post!

Discussion3 Comentários

  1. Olá !
    Sairei de Zagreb para Liubliana e de lá quero ir aos Lagos Plitvice dormir uma noite e segui viagem para Zadar. Você saberia informar se tem ônibus de Liubliana para Plitvice.
    Obrigado

  2. Carla

    Vamos ficar em Zagreb e pensamos e fazer um bate-volta para Liubliana. Porém, lendo outros blogs com dicas sobre a capital eslovena soube que é indicado um registro na Polícia Federal, para estrangeiros sem hospedagem prévia, ainda que temporária, sob pena de incorrer em multa. Como não ficaremos hospedado, penso que essa exigência se aplica à nós. É isso mesmo? Segundo o site da PF o registro custa R$ 163 e é necessário alguns documento, além de foto. Se assim o for, penso que um bate-volta será inviável.

    Desde já agradeço a atenção.

    Fabiano

    • Ei, Fabiano!
      Olha, eu fiz isso mais de uma vez em 2015 e em 2016, e nao precisei fazer nada disso nao!
      Uma vez fui de trem, outra de ônibus, outra de carro. Talvez essa exigência seja mais recente. Se for o caso, aí talvez seja válido!

Leave A Reply