Onde ficar em Brasov, região da Transylvania, na Romênia – Centrum House Hostel

2

Como já comentei por aqui, essa viagem que fiz pela Romênia foi sozinha. E quando viajo assim busco me hospedar em hostels, pois hoje em dia existem uns melhores que muito hotel, eles têm um clima mais informal e costuma ser bem fácil fazer amigos. Em Brasov, uma das principais cidades da região da Transylvania, não foi diferente. Fui muito feliz com a minha escolha em me hospedar no Centrum House Hostel, bem no meio da Strada Republicii, rua que tem ótima localização e de onde dá para fazer muitas coisas a pé.

Além do hostel em si ser ótimo, lá fiz bons amigos, saímos juntos, viajamos juntos. O entorno do Centrum House Hostel conta com vários barzinhos e isso ajuda que todos entrem num clima de “Ah, vamos sair da cozinha do hostel e vamos bater papo no bar aqui embaixo”. Mesmo fazendo 0 graus do lado de fora em pleno outono!

hostel brasov transylvania-7

O Centrum House Hostel tem quartos privativos e dormitórios mistos ou femininos, uma cozinha bem boa e 2 banheiros, um com 3 boxes separados para tomar banho e outro onde ficam 3 cabines para as, digamos, outras necessidades. Rs… Em ambos há pia, espelho e sempre estavam bem limpinhos.

A recepção não é 24h, mas você recebe a chave da porta principal para sair e entrar a hora que quiser (não a esqueçam! Eu esqueci a minha no primeiro dia e fiquei do lado de fora no frio uns 20 minutos até alguém abrir para mim). Senti falta de conseguir mais informações com o pessoal da recepção sobre o que fazer na cidade, transportes, horários. Mas nada que a gente não se vire sozinho pra descobrir.

hostel brasov transylvania-6

Meu quarto era um dormitório para 8 pessoas, mas tão espaçoso e bem organizado que o americano que estava dividindo esse espaço comigo teimou que lá tinha apenas 6 camas. Um bom sinal de que o quarto não é “muvucado”. O locker é bem grande e cabe um mochilão grande ou talvez até uma mala tamanho M. Achei ótimo.

hostel brasov transylvania-3

Ao lado das camas há tomadas individuais, o que acho indispensável em um hostel.

A decoração também é muito legal, amei a parede da cozinha com assinaturas dos hóspedes que passam por lá. O próprio Centrum House Hostel deixa canetinhas e lápis de cor à nossa disposição pra gente virar criança de novo e deixar nossa marca por lá. Claro que eu deixei a minha, né.

Não há café da manhã, mas a cozinha é bem espaçosa e com tudo o que se precisa para preparar refeições ou guardar lanches/bebidas na geladeira. Curti que o hostel não é grande demais, então não tem aquele probleminha não tão incomum de você guardar sua comida e não saber se ela ainda estará lá no dia seguinte #Acontece…

hostel brasov transylvania-4

Apresentadas as instalações do hostel, vou falar da localização dele. Excelente! Eu cheguei de trem e peguei um ônibus direto pra lá. Qualquer um sabia indicar onde era a Strada Republicii (é uma rua bem conhecida em Brasov, fechada apenas para pedestres) e bem onde eu devia descer – aliás, não tinha erro, era só descer na linha final do ônibus. De taxi do hostel até a estação de trem deu 7 LEI (1 euro =  4,5 LEI). O ônibus custa 2 LEI – compre seu ticket antes no quiosque.

A partir do hostel fiz muita coisa a pé! Os principais atrativos turísticos da cidade ficam ali no entorno e você não precisa de transporte para quase nada. Centrum House Hostel, obrigada por terem me recebido tão bem na casa de vocês!

Para saber mais sobre essa viagem pela Romênia, acompanhe os próximos posts! Ou leia os que já foram publicados:

Minha aventura, sozinha, de trem pela Transylvania: de Brasov a Belgrado

5 mitos e curiosidades sobre a Transylvania

Para ver preços e fazer sua reserva no Centrum House Hostel, clique aqui.

Para pesquisar hospedagens em Brasov, clique aqui.

Para pesquisar hospedagens na Romênia, clique aqui.

Atenção, leitor: me hospedei no Centrum House Hostel como um convite para conhecer suas instalações e serviços. Sou absolutamente transparente em minhas descrições e dicas e somente aceito parcerias que estejam de acordo com o perfil do meu blog. Obrigada pela confiança!

Carla Boechat é jornalista, mestranda, curiosa que só, carioca da clara, inquieta e turista por vocação - e criação. Sempre com a mochila e um sorriso prontos, aposta que toda estrada pode esconder uma dica em potencial. E aqui é assim: se ela foi e gostou, virou post!