12 dicas para um Oktoberfest inesquecível em Munique – a última vai te deixar em choque!

17

Esse ano fui pela primeira vez ao Oktoberfest de Munique e foi um dos melhores eventos da minha vida! Encontrei com mais uns dez amigos brasileiros na cidade e vocês já podem imaginar a curtição que foi. Mas ao mesmo tempo rolaram uns perrengues também – o número de barracas vendendo cerveja é insuficiente para a quantidade de gente querendo matar sua sede. Por isso juntei aqui 12 dicas para facilitar a sua vida. Algumas são mais óbvias, mas outras (tipo a última) são inacreditáveis. Anota aí!

oktoberfest munique 24

1. Reserve mesa numa das tendas do Oktoberfest com MUITA antecedência

Quando eu digo antecedência, estou falando em meses – seis meses ou até mais! Para se ter uma ideia, o evento acaba em outubro e em dezembro já são abertos os pedidos de reserva. Deixa eu te explicar como funciona a festa: o Oktoberfest rola em um espaço enorme, com muitas barracas de comidas, souvenirs, um parque de diversões gigante e 14 tendas que vendem cerveja. Isso quer dizer que se você não estiver sentado em uma mesa dentro de uma dessas tendas, você não consegue comprar sua sagrada cervejinha alemã em nenhum outro lugar do Oktoberfest. E você só consegue estar dentro de uma das tendas se houver mesa disponível ou se você tiver uma reserva. Mais de 6 milhões de pessoas vão ao Oktoberfest anualmente. Já fez as contas da probabilidade de encontrar facilmente uma mesa livre num sábado de festa? Pois é. Se você não tem reserva, prepare-se para estar dentro do Oktoberfest antes das 9h da manhã. Mas fique tranquilo (ou não): lá já estará bem cheio a essa hora!

Não dá para fazer sua reserva entrando em contato diretamente com os organizadores do Oktoberfest. Cada reserva é feita diretamente com uma das 14 tendas/cervejarias autorizadas a participar do evento. Confira nesse link as 14 cervejarias e os contatos para tentar agilizar sua reserva. A entrada em todas as tendas é gratuita, bem como o pedido de reserva. Mas, nesse segundo caso, é preciso comprar com antecedência cerveja e cupons de comida em valores que vão de 20 a 80 euros por pessoa, dependendo da tenda e do horário da reserva. Veja mais informações nesse link.

oktoberfest munique-5

2. Dentro das tendas é melhor que nos Biergartens

Os Biergartens são os famosos jardins de cerveja de Munique. Há vários espalhados pela cidade em qualquer época do ano, e durante o Oktoberfest algumas tendas têm seu próprio Biergarten. É tipo uma varanda a céu aberto com mesas onde as pessoas também podem pedir suas cervejas e refeições. Mas é na parte de dentro das tendas que rola a festa de verdade, e não nos jardins! Bandas ao vivo tocando músicas típicas, uma decoração muito mais interessante e um clima de festa muito mais vivo que nos jardins da parte de fora. Eu diria que se você quer sentir o Oktoberfest de verdade, tem que conseguir uma mesa na parte de dentro.

Dentro da tenda da Haufbrau
Clima de festa dentro da tenda da Haufbrau
Biergarten da Paulaner
Clima mais tranquilo no Biergarten da Paulaner

3. Troque o sábado ou o domingo pela sexta ou quinta-feira (ou quarta, ou terça…)

O fim-de-semana é irado porque está lotado. Mas ele é justamente menos irado por estar tão lotado assim. A menos que você tenha seguido a dica 1, tenha se programado com muita antecedência e tenha reserva de mesa em alguma das 14 tendas de cerveja do festival, você vai preferir estar lá em um dia comum durante a semana. E acredite em mim: estará tão animado como se fosse um sabadão! A diferença é que você poderá chegar lá por volta de meio dia (ao invés de 8h da manhã) e ainda assim conseguirá uma mesa em uma das tendas – sem precisar quase se matar em meio a uma multidão com a sede de dez camelos no deserto às 10h da manhã de um sábado. Durante a semana todas as filas são menores: para comer, para ir aos brinquedos, para ir ao banheiro (vai por mim, após o segundo caneco de um litro de chopp você estará rezando por uma fralda geriátrica diante da fila interminável dos toiletes).

Filinha básica pro banheiro feminino - e ela continua dentro desse caixote aí de madeira
Filinha básica pro banheiro feminino – e ela continua dentro desse caixote aí de madeira

4. Reserve seu hotel com antecedência

Com a mesma antecedência da reserva de mesa nas tendas. Parece tão óbvio, né? Mas é sério. Essas são as duas primeiras coisas que você precisa planejar se estiver querendo curtir o próximo Oktoberfest de Munique: tenda e hotel. Os hotéis mais baratos acabam rápido – eu reservei o meu quatro meses antes e as melhores opções já estavam esgotadas. Eu fiquei hospedada no Hotel Achterbahn (fiz reserva pelo Booking.com), colado na praça Theresienwiese, onde acontece o Oktoberfest (essa praça fica a mais ou menos 25 minutos andando da Marienplatz, a praça principal de Munique). Pagamos cerca de 500 euros para 2 diárias num quarto para 4 pessoas (café da manhã não incluído). O hotel é ótimo, muito bem localizado, quarto espaçoso com mini cozinha, cama confortável, roupa de cama excelente, dono super gente boa, rola festa na recepção do hotel todas as noites após o Oktoberfest. Realmente recomendo.

Nosso quarto no Hotel Achterbahn
Nosso quarto no Hotel Achterbahn

Mas você não precisa necessariamente ficar tão colado na Theresienwiese, pois o metrô tem uma saída que te deixa dentro dessa praça, bem no centro do festival. Portanto, você só precisa estar hospedado perto de uma estação do metrô para ter fácil acesso à festa (e com isso você pode economizar, já que, por motivos óbvios, quanto mais perto do Oktoberfest, mais caro eles querem cobrar).

5. Prepare seu fígado para começar a beber às 8h da manhã e só parar de madrugada

Quando eu ouvi pela primeira vez que precisaria chegar lá tão cedo caso não tivesse reserva para conseguir lugar nas mesas eu ri. “Quem é que começa a beber às 8h da manhã?”. Resposta: todos os seres vivos habitantes em Munique durante o festival. É insano. Você acorda, se senta na mesa do hotel para tomar café da manhã e as pessoas ao seu lado já estão segurando uma caneca de um litro de chopp. Você vai para a rua e todo mundo (quando eu digo todo mundo estou me referindo a MUITA gente) já está com as roupas típicas segurando uma long neck. Você já começa a ficar nervoso achando que está atrasado pra festa. Mas mal imagina que, quando a festa dentro do Oktoberfest acaba, às 23h30 (na verdade a última cerveja é vendida às 22h30), a ferveção do lado de fora está só começando, espalhada pelos bares e boates de Munique.

oktoberfest munique-11

6. Compre uma roupa típica

Eu não comprei e é como se minha festa não estivesse completa. Claro que eu curti MUITO, mas é muito legal ver todo mundo usando as roupas típicas pelas ruas e bebendo. Uma amiga comprou o vestido dela pelo Aliexpress meses antes para garantir que eles chegariam a tempo no Brasil, pagou menos do que estavam cobrando lá em Munique e era super fofo! Ou se você chegar lá desavisada e quiser um, negocie bastante. Você consegue comprar a roupa feminina completa por uns 40 euros (vestido + a blusinha branca para usar por baixo). Já a masculina custa uns 100 euros, pois a parte de baixo é feita de couro.

oktoberfest munique
Você entra no mercado e, ops, pessoas com roupas tradicionais

oktoberfest munique-7

oktoberfest munique-23
Negocie, negocie, negocie!

7. O Oktoberfest é uma festa pra família toda

É engraçado falar isso depois de dizer que você vai começar a beber às 8h da manhã e só parar de madrugada. Mas é a verdade! Vi muitas famílias, crianças, senhorinhas. O Oktoberfest não é uma festa só para jovens – apesar da bebedeira. Nem só para gringos. Os alemães vão em peso, todos vestidos a caráter.

oktoberfest munique-16
Não tinha nada mais fofo que as criancinhas com as roupas típicas!
oktoberfest munique-17
Crianças de um lado… Senhores do outro… 😀

8. Eles só aceitam pagamento em dinheiro no Oktoberfest – e o chopp é caro!

No meu primeiro dia lá fiquei apavorada em saber que eles só aceitavam dinheiro vivo. Mas depois descobri que dentro do Oktoberfest há um caixa eletrônico onde você pode sacar mais se precisar (não sei se há mais de um, mas quando fui nesse a fila estava pequena – era um domingo de manhã). Importante: saque dinheiro antes de entrar em qualquer tenda! Se seu dinheiro acabar e você quiser consumir mais lá dentro, não poderá sair – quem sai não pode mais voltar. Ah, o chopp custava em média de 10,30 a 10,80 euros a depender da tenda em que você está.

oktoberfest munique-10

Seguro viagem europa 728x90

9. Pague seu chopp com dinheiro trocado

Dica valiosa para não ver seu dinheiro indo pelo ralo: tente sempre pagar o chopp com dinheiro trocado (e escolha se e o quanto quer dar de gorjeta). É que os garçons e garçonetes simplesmente te dão o troco que eles querem, já descontando a gorjeta deles (lá você não abre uma conta e paga somente ao final, você paga separado a cada novo pedido que faz). Eles te entregam o troco rápido, se viram e vão embora mais rápido ainda E numa dessas você paga de 2 a 3 euros de gorjeta a cada chopp, ou seja, quase 30% a mais se vão só nessa brincadeira – e com o euro no valor que está, são uns 15 reais de gorjeta a cada novo chopp. Não dá, né gente?!

oktoberfest munique-9

10. A comida fora das tendas é mais barata

Todas as tendas oferecem muitas opções de refeições e petiscos. Mas também tem muita opção do que comer nas barracas de comida fora das tendas espalhadas pelo Oktoberfest! O famoso wurst (pão com linguiça/salsicha típica da Bavária) é o clássico dos clássicos. Mas a batata frita com maionese também merece destaque, é tipo as famosas de Amsterdam. Também amei uns amendoins torrados com nutella – tem várias barracas que vendem esses amendoins com sabor, mas só vi uma vendendo esse que é torrado na nutella. É dos deuses! Provar o chucrute também é imperdível. E há ainda muitas outras opções espalhadas pela festa, tipo steckerlfisch (peixes assados em palitos), sanduíches, brezels (ou pretzels), lebkuchen (tipo um panetone em forma de coração, são fofos, mas caaaaros), muitos pães, doces. E uma dica: nas tendas é proibido entrar com comida, mas nos Biergartens é liberado! 😀

oktoberfest munique-12
Assim são os lebkuchen: fofos, mas caaaaros
oktoberfest munique-13
Wurst: tem que ter!

11. Nããão temmmmm Wifi!

Pasmem! Um evento da proporção do Oktoberfest que atrai milhares de turistas e não tem Wifi. Até o Brasil está mais avançado que a Alemanha nesse quesito, fala sério. Portanto, combine antes com os amigos onde encontrar e não conte com internet gratuita em nenhum canto da festa pra dar aquela atualizadinha no Instagram. Pô, Alemanha, que miséria! Vamos facilitar a vida dos gringos aí!

Pose pra foto e nem um Wifi pra postar no instagram! Sniffffff
Pose pra foto e nem um Wifi pra postar no instagram! Sniffffff

12. Algum segurança das tendas pode te pedir propina

É, ham… sim. O impensável aconteceu na Alemanha. Era um domingo de manhã, todas as barracas lotadas de pessoas se esmagando para conseguir uma mesa em qualquer tenda e nós éramos os próximos a entrar no Biergaten da Paulaner. Após mais ou menos 1h40 esperando grudados na corda que nos separava do interior da tenda e muitas tentativas de conversa com os seguranças para nos liberar logo, um deles se aproximou e falou baixinho em inglês algo como “É só colocar dinheiro no meu bolso”. A cara de incrédulo do meu amigo ao ouvir isso foi impagável. E ele ainda deu o preço: 10 euros por pessoa. Sim, na Alemanha.

Geral enlouquecido pra entrar na Hofbrau no domingo
Geral enlouquecido pra entrar na Hofbrau no domingo

Portanto… Se você não reservou sua mesa meses antes, perdeu a hora porque encheu a cara no dia anterior, não conseguiu chegar no Oktoberfest às 8h da manhã pra garantir um lugar ao sol, não sabe mais o que fazer. NÃO OFEREÇA PROPINA A UM SEGURANÇA ALEMÃO. Mas saiba que eles podem oferecer uma negociação desse tipo. Cabe a você saber se quer correr o risco ou não. Ao contar, incrédula, essa história a um amigo alemão, a resposta dele foi: “É, alguns seguranças fazem isso no Oktoberfest. Claro que eles se ferram se alguém descobre, mas uma vez que muita gente sempre quer entrar nas tendas, eles podem tentar. É a situação rara em que você pode de fato subornar alguém na Alemanha”.

Atenção: Como já escrevi aqui muitas vezes, esse é um blog onde compartilho experiências e conto histórias reais das minhas viagens. Faça sua reserva de tendas com antecedência ou chegue no Oktoberfest às 8h da manhã! Fora isso, nada te garante de entrar nas tendas – e ter a iniciativa de oferecer dinheiro a um segurança alemão certamente não é a melhor saída 😉

Carla Boechat é jornalista, mestranda, curiosa que só, carioca da clara, inquieta e turista por vocação – e criação. Sempre com a mochila e um sorriso prontos, aposta que toda estrada pode esconder uma dica em potencial. E aqui é assim: se ela foi e gostou, virou post!

Discussion17 Comentários

  1. Pingback: Dica pra quem curte cerveja: conheça o novíssimo Recife Beer Tour | Fui, gostei, contei | por Carla Boechat

  2. Quase nenhum lugar da Alemanha vai oferecer Wifi, por causa das leis extremamente rígidas com relação à downloads e uso de internet.

  3. Oi Carla! Gostaria de saber quantos dias dedicados a Oktoberfest você indicaria… estou planejando uma viagem longa e pensei em separar dois dias só para o festival e mais 3 para conhecer Munique..o que você acha?

    • Ei Vanessa!
      Eu passei apenas um fim de semana, e foi suficiente para curtir muitoooo!!! Fui a tres dias de festa.
      Portanto, acho dois dias para o festival ótimo sim. Você vai amar Munique!

  4. Oii!! Adorei o post!!
    Voce acha que vale a pena ir sozinha? Ou é melhor esperar uma próxima para ir com alguém? Estarei na Alemanha bem na época da festa..
    Parabéns pelo site!

    • Olha, eu fui com amigos e me diverti muito. Não me lembro de ver ninguém indo sozinho.. Mas se fosse minha única opção, tenha certeza de que eu iria sozinha sim!!!
      É bem animado e certamente você conhecerá muita gente lá 😀

  5. Oi Carla,
    Entrei no site de algumas tendas e elas só dão a opção de fazer reserva com o mínimo de 10 pessoas! Você conseguiu reservar pra menos?

    Obrigada!

  6. Olá Carla, obrigada e parabéns pelo post!! Me diga uma coisa, se eu reservar uma mesa, eu consigo sair e entrar na tenda a qualquer momento? Minha mesa estará sempre disponível??

    • Oi, Gleice. Acho melhor confirmar isso diretamente com a tenda na qual você fizer a reserva. Acho que você consegue sair sim (vi umas pessoas que sáiram, retornando depois), mas sempre é melhor confirmar,pois pode mudar essa regrinha de uma tenda pra outra.
      Beijos e boa viagem!

  7. Olá Carla,

    Parabéns pelo blog e obrigado por compartilhar as informações. Estarei viajando pela Europa no período em que vai estar acontecendo o Oktoberfest e estou planejando passar por Munique. Vi no site um calendário do evento (http://www.oktoberfest.de/en/article/Oktoberfest+2017/About+the+Oktoberfest/Oktoberfest-Calendar+2017/4928/) e me surgiu uma dúvida: o festival ocorre todos os dias entre 16/9 e 3/10? Outra dúvida, pelo que entendi você entra em uma tenda e fica o dia todo nela, é isso mesmo? Caso saia corro o risco de não conseguir entrar em outra?

    • Oi, José!
      Olha, acontece todos os dias sim. Mas nos fins de semana fica bem mais animado (e cheio).
      Se você for e estiver muito cheio, e você conseguir entrar em uma tenda, indico não sair dela! Porque todas lotam, em especial nos fins de semana (sábado e domingo). Fui numa sexta feira também e estava mais tranquilo pra entrar nas tendas.
      Espero ter ajudado!
      Abraços

Leave A Reply