No início de Novembro eu viajei para a Sérvia em um vôo saindo de Paris e vou compartilhar aqui como foi a minha experiência de imigração no país durante a pandemia de coronavírus. Quando compartilhei um pouco da minha viagem no Instagram do blog, muita gente mostrou interesse em vir para cá. A Sérvia é um dos poucos países 100% abertos a brasileiros no momento.

Então aqui eu vou contar como foi todo o processo de imigração na Sérvia. E também vou dar dica de como saber que países estão abertos a Turismo para receber brasileiros.

Como saber que países estão abertos a brasileiros

Para você que está começando a planejar uma viagem e está preocupado com a situação do coronavírus e um pouco perdido sobre quais países estão aceitando brasileiros no momento, vou dar aqui uma dica que eu já dei lá no Instagram. Eu tenho usado bastante o Mapa Interativo de Restrições de Viagens do Skyscanner. Ele é bem interessante, pois você pode selecionar o país de onde estará saindo e, com base nisso, as informações de entrada no restante dos países do mundo serão atualizadas. Veja o layout da página abaixo:

De acordo com esse mapa do Skyscanner, hoje, dia 12/11/20, há 15 países abertos sem restrições a brasileiros (a Sérvia é um deles) e outros 93 parcialmente abertos e com algumas exigências. Usar esse site é legal para ter uma base de busca para iniciar o planejamento de uma viagem. Mas é essencial confirmar as informações obtidas aqui com as do site oficial do governo do país para onde você quer ir.

Um detalhe legal desse mapa interativo é que você tem a opção de mudar o país de onde estará saindo, o que altera suas possibilidades de entrar a outros países. Se depois da Sérvia você quiser viajar para outro lugar, por exemplo, terá um novo cenário de possibilidades. Mas, não se esqueça, confirme as informações com o governo local para não haver dor de cabeça. Nesses tempos de coronavírus as regras de muitos países têm mudando constantemente e sem aviso prévio.

Sérvia está aberta para brasileiros

A Sérvia está aberta para Turismo desde 22/05, incluindo para brasileiros. Não há necessidade de fazer quarentena ao chegar e nem de apresentar teste negativo de coronavírus. É obrigatório o uso de máscaras no vôo e no aeroporto, além de ser recomendado manter o distanciamento social e fazer higienização constante das mãos.

De acordo com o site oficial do Ministério de Relações Exteriores da Sérvia, cidadãos da Croácia, da Romênia, da Macedônia do Norte e da Bulgária precisam apresentar teste negativo de Covid-19 para entrar no país. Qualquer outro estrangeiro não tem essa obrigação. Essa é a parte específica do site que confirma que nós, brasileiros, não temos essa exigência:

Foreign citizens entering the territory of the Republic of Serbia from other destinations (other than North Macedonia, Bulgaria, Romania and Croatia) are allowed to enter the Republic of Serbia in line with the hitherto procedure, i.e. they are not obliged to have a negative PCR test.

A imigração na Sérvia

A imigração na Sérvia foi rápida e fácil. Eu levei seguro viagem, passagem comprada para o destino seguinte, comprovante de reserva de acomodação, mas nada disso me foi solicitado. A companhia aérea com a qual viajei de Paris a Belgrado, Wizz Air, também havia enviado um e-mail indicando que deveríamos imprimir e preencher um documento para apresentar na entrada no país, e assim fizemos – porém nem isso pediram. Carimbaram o passaporte e nos deram as boas-vindas.

Apesar de ter dupla nacionalidade (brasileira e italiana), eu vim para a Sérvia utilizando meu passaporte brasileiro, já que queria ter essa experiência completa para poder compartilhar aqui com vocês em detalhes e ajudar outros brasileiros que pretendem visitar o país.

Recentemente fiz imigração na França durante a pandemia de Covid-19 e foi bem mais complicado, com muitas exigências. Contei a experiência completa aqui no blog.

Coronavírus na Sérvia

Apesar das infecções por Covid-19 estarem mais controladas aqui na Sérvia que em muitos outros países da Europa, o país vem sofrendo uma leve segunda onda do vírus. Por causa disso, em Belgrado, a maior cidade do país, os estabelecimentos são obrigados a fechar às 23h (inclusive cafés e restaurantes). É obrigatório usar máscara em locais fechados. Em locais abertos não há a obrigatoriedade.

Leia aqui as minhas dicas completas do que fazer em Belgrado, cidade que já visitei duas vezes e que é uma das capitais mais vibrantes dos Balcãs

Deixe uma Resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui